Artigos e Reportagens

Escrito por Nelso Silva
Artigos e Reportagens Categoria: Transporte Ferroviário
Publicado em 28 Agosto 2016
PDF Imprimir

A histórica locomotiva a vapor 0186 está de regresso ao Douro, depois de ter estado praticamente 3 anos parada, sofrendo uma intervenção que a permite agora "queimar" gasóleo em vez de carvão.

As viagens do Comboio Histórico do Douro arrancaram em Junho e prolongam-se até 22 de Outubro de 2016, com partida da estação da Régua e destino à estação do Tua, com paragem na estação do Pinhão e realizam-se às quartas, sábados e domingos.

Comboio Histórico exposto na estação de Porto São Bento (01-06-2016)

Recorde-se que este programa, que data da década de 90, conta com uma composição constituída pela locomotiva a vapor 0186, construída em 1925 pela Henschel & Son, e por cinco carruagens antigas em madeira.

A locomotiva a vapor foi substituída temporariamente em 2013, por uma locomotiva diesel da série 1400. A CP efectuou a substituição com vista a tornar o comboio mais sustentável e decidiu adaptar a 0186 para o abastecimento a diesel, eliminando assim toda a logística envolvida no armazenamento, carregamento e alimentação da caldeira através do carvão. Os 1500 quilos de carvão consumidos na viagem de ida e volta são assim substituídos por 400 litros de gasóleo.

Esta adaptação obrigou à alteração da caldeira de cobre por outra, construída em aço e que possui capacidade para suportar uma maior intensidade térmica, mantendo-se o restante processo de produção de carvão.

Todo o trabalho de adaptação foi levado a cabo pela EMEF, em conjunto com empresas espanholas especializadas: a Autalem e a ARMF. 

No dia 3 de Junho de 2016, depois de o Comboio Histórico ter estado exposto na estação de Porto São Bento durante 4 dias, o mesmo seguiu até à Régua numa marcha especial liderada pela locomotiva diesel 1424. O Terminal Intermodal foi convidado pela APAC a participar nessa viagem e partilha agora convosco algumas imagens captadas durante a mesma.

A locomotiva 1424 com o Comboio Histórico em Ermesinde

Pormenor da locomotiva a vapor 0186. Ermesinde.

Viagem a caminho da Régua.

Pormenor do interior de uma das carruagens do Comboio Histórico.

Chegada a Penafiel.

Pormenor da placa de fabrico da 0186. Penafiel.

Ainda em Penafiel, alguns entusiastas aproveitaram para fazer o "gosto ao dedo".

A locomotiva diesel 1424 com o Comboio Histórico em Marco de Canaveses.

A composição parada em Mosteirô.

Abastecimento da 0186 em Mosteirô.

Continuando a viagem no vale do Douro, aqui a par com um dos cruzeiros que habitualmente navegam as águas deste rio.

Mais um pormenor de uma das carruagens do Comboio Histórico.

A vista da última carruagem.

E assim terminamos esta foto-reportagem. Convém referir que, à data em que publicamos este artigo e num altura em que faltam realizar 15 viagens para acabar esta época de 2016 do Comboio Histórico do Douro, dados da Agência Lusa ilustram que a campanha tem sido um absoluto sucesso, com cerca de 5677 passageiros transportados e com uma taxa de ocupação de 85,9 %, tendo já superado os anos de 2015 e 2014.